Vaga de Assessoria para Cadeias Produtivas Sustentáveis

O Iepé – Instituto de Pesquisa e Formação Indígena é uma entidade da sociedade civil sem fins lucrativos, criada em 2002. Tem como missão contribuir para o fortalecimento cultural, político e para o desenvolvimento sustentável das comuni­dades indígenas em território brasileiro localizadas no Amapá e norte do Pará. O Iepé proporciona assessoria especializada e capacitação técnica diversificada, entre as quais estão gestão de projetos, valorização e gestão de patrimônios culturais, fortalecimento político, associativismo e gestão territorial e ambiental. Sua atuação é pautada pelas demandas indígenas de formação e de capacitação, visando o fortalecimento de suas formas de gestão comunitária e coletiva. Além disso, o Iepé se dedica a monitorar as políticas públicas indigenistas e ambientais que incidem sobre essas comunidades, agindo no sentido de influenciá-las positivamente para que os direitos destas populações enquanto povos diferenciados sejam respeitados.

O Iepé conta com uma equipe multidisciplinar, estruturada em programas e linhas de atuação, mantendo quatro escritórios: em Macapá, Santarém, Oiapoque e São Paulo. O cotidiano da instituição se divide em atividades institucionais, administrativas e em campo, nas aldeias. Mais informações estão em nosso site: www.institutoiepe.org.br

As cadeias de valor dos produtos da floresta apoiadas pelo Iepé valorizam o conhecimento e os modos tradicionais de vida dos povos indígenas assim como geram renda para as comunidades, fortalecendo sua organização social.

Mais informações sobre o Iepé e o trabalho desenvolvido pela instituição podem ser obtidas em nosso site: www.institutoiepe.org.br.

Informações sobre a vaga:

O Assessor de Cadeias Produtivas Sustentáveis do Iepé irá contribuir com as comunidades indígenas e ribeirinhas do Amapá e norte do Pará apoiadas pelo Iepé por meio de assessoria técnica para estruturação das cadeias produtivas por eles priorizadas, envolvendo, entre outros, estudos, certificação, planos de negócios. Entre as cadeias produtivas em diversas fases de estudo e desenvolvimento destacamos: Açaí, Castanha do Pará, Farinha de Mandioca, Mel, Sementes Florestais, Artesanato, Pimenta e Turismo de Base Comunitária.

Local e forma de trabalho:

O local de trabalho será baseado no escritório do Iepé localizado em Macapá/AP ou São Paulo/SP, com idas frequentes a campo para acompanhamento das cadeias produtivas nas 10 Terras Indígenas e entorno apoiadas pelo Iepé no Amapá e norte do Pará.

Funções do cargo:

  • Apoiar a implementação das cadeias produtivas sustentáveis em desenvolvimento pelas comunidades indígenas e do entorno da região de trabalho do Iepé;
  • Articulação interna com as equipes e consultores dos programas do Iepé vinculadas a sub-regiões específicas;
  • Articulação com instituições, parceiros comunitários, governamentais e não-governamentais;
  • Apoio na implementação de estratégias de comercialização e planos de negócios dos produtos indígenas;
  • Organização de oficinas relacionadas as cadeias produtivas e planejamento junto as comunidades;
  • Realizar a gestão financeira e logística de atividades baseada em orçamentos;
  • Redigir, avaliar e/ou consolidar relatórios técnicos referentes às atividades das entregas dos projetos e de outros materiais de comunicação.

Requisitos:

  • Formação superior em Ciências Humanas, Biológicas ou Engenharia;
  • Boa comunicação oral e escrita;
  • Habilidade e facilidade para trabalho em equipe;
  • Postura proativa, interesse em desafios e na solução de problemas;
  • Interesse e disposição para trabalhar diretamente com populações indígenas e ribeirinhas;
  • Experiência de trabalho com políticas, programas e ou projetos relacionados a atividades produtivas sustentáveis junto a povos indígenas ou comunidades tradicionais;
  • Conhecimento de informática, habilidade nos programas do pacote Office e internet;
  • Disponibilidade para residir na cidade de Macapá/AP e realizar viagens a campo em locais remotos, com pouca comunicação e logística complexa.

Qualificações e competência desejáveis

  • Experiência com comunidades indígenas e/ou ribeirinhas amazônicas;
  • Experiência direta com os produtos citados no edital;
  • Clareza na comunicação oral e escrita, sabendo escutar e interpretar os outros, comunicando-se apropriadamente com diferentes audiências e em contextos multiculturais;
  • Experiência em processos administrativos.

Condições:

  • Salário compatível com nível de experiência e o mercado.
  • Regime de contratação CLT conforme legislação vigente.
  • Contrato de experiência por 90 (noventa) dias.
  • Benefícios: plano de saúde com cobertura nacional, seguro de vida e vale alimentação.

Interessados/as devem enviar:

1) Curriculum Vitae;

2) Carta de apresentação (a carta deve conter necessariamente a pretensão salarial);

3) Contatos de pelo menos dois profissionais que possam fornecer referências sobre o/a candidato/a.

A documentação solicitada deverá ser enviada para o e-mail [email protected] indicando no assunto da mensagem VAGA – Assessoria Cadeias Produtivas até 30 de agosto de 2021.